Você me pertence

Domingo , 13 de Novembro às 13h53

V em pra cá, vem ser meu. Vem, e esquece de tudo que passou, que não foi suficiente. Vem aqui, só pra gente tentar de novo. 

Vamos pelo zero, caminhar pelas mesmas esquinas, tomar as mesmas bebidas, com o calor de sempre. Aquele calor que só a gente tem, e você sabe. 

Quero levantar pela manhã e sentir o teu perfume, saber que você ta do meu lado, enroscado em meus lençóis. E me acalmar. Quero ver teu sorriso, ouvir você gritar meu nome e silenciar suas lágrimas. Quero esquecer de tudo que não nos fez bem. 

Meu orgulho eu to agora jogando fora, to aqui fazendo isso por você. Antes o orgulho do que teu amor, que me machuca, mas me renova. Vem aqui, que a gente redescobre aquela paixão que ainda não jaz. A gente briga, se destrói, desaba e cai, mas a gente levanta. A gente sempre levanta.

Eu vivi em um poço de escuridão, eu era o pedaço da treva. Mas você faz brilhar o melhor em mim, que eu só sou contigo. Então volta. 

Faz renascer aquela chama que a gente é quando ta junto, aquela força invencível que nos ronda. Não fica tão distante, não. Seu lugar não é aí, então sai

Você me pertence, a gente é um só. É ainda mais forte do que eu pensava.  Aquele furacão de sentimentos, hoje eu sei que é amor. E a gente não tem como fugir disso.

 


Escrito por Letícia Lemos




01/06/2012 a 30/06/2012
01/04/2012 a 30/04/2012
01/03/2012 a 31/03/2012
01/02/2012 a 29/02/2012
01/01/2012 a 31/01/2012
01/12/2011 a 31/12/2011
01/11/2011 a 30/11/2011
01/10/2011 a 31/10/2011
01/09/2011 a 30/09/2011
01/08/2011 a 31/08/2011
01/07/2011 a 31/07/2011
01/06/2011 a 30/06/2011
01/05/2011 a 31/05/2011
01/04/2011 a 30/04/2011
01/03/2011 a 31/03/2011
01/02/2011 a 28/02/2011
01/12/2010 a 31/12/2010
01/11/2010 a 30/11/2010
01/10/2010 a 31/10/2010
01/09/2010 a 30/09/2010
01/08/2010 a 31/08/2010
01/07/2010 a 31/07/2010